18/08/2010

"Prelúdio da gota d'água"

"Prelúdio da gota d'água" 

Cheio da tua ausência me angustio

a cada hora que passa... a cada instante...

- pelo meu pensamento, como um fio,

és uma gota d'água, tremulante...


Uma gota suspensa e cintilante,

límpida e imóvel como um desafio...

Tua ausência, - é a presença triunfante

daquela gota que ficou no fio...


As outras todas, céleres, pingaram,

e caíram na terra onde secaram,

só tu ficaste, última gota, assim


como uma estrela sem ter firmamento,

suspensa ao fio do meu pensamento

e a brilhar, sem cair... dentro de mim...

J. G. de Araújo Jorge

Um comentário:

Márcia Cristina Lio Magalhães disse...

Obrigada pelo coments em meu blog, volta sempre!

Teu blog como sempre, escritos de muito bom gosto!

abraços...